Solidariedade de MS já se articula para as eleições de 2018

Encontro reúne vereadores e vice-prefeitos eleitos em 2016, e dirigentes municipais - FOTO: Eliza Mustafa
Encontro reúne vereadores e vice-prefeitos eleitos em 2016, e dirigentes municipais - FOTO: Eliza Mustafa

Na Câmara Municipal de Campo Grande, o partido Solidariedade realizou, neste final de semana, o 1º Encontro de Estratégia e Articulação do Solidariedade-MS, onde reuniu vereadores e vice-prefeitos eleitos em 2016, e dirigentes municipais da sigla.

A legenda estabeleceu como meta para as eleições de 2018 a reeleição do deputado estadual Herculano Borges, que assumiu o cargo no legislativo estadual este ano, no lugar de Ângelo Guerreiro (PSDB), que assumiu a prefeitura de Três Lagoas. E também eleger mais um deputado estadual e um federal no Estado.

O presidente Estadual da sigla, Idelmar da Mota, declarou que “o partido tem-se fortalecido e não temos dúvida de que alcançaremos essa meta de aumentar nossa representatividade no parlamento estadual e federal”.

Segundo o deputado estadual Herculano Borges, o partido tem condições sim de eleger dois parlamentares para a Assembleia Legislativa e um para a Câmara Federal. “O nosso partido vem crescendo e alcançando representatividade no nosso Estado. Vamos trabalhar para aumentar cada vez mais essa representatividade, pois só assim, teremos condições de atender as necessidades da população sul-mato-grossense”.

Para o vice-presidente Estadual do Solidariedade de MS, Alessandro Menezes, o envolvimento dos grandes partidos nos escândalos de corrupção tem contribuído para que o Solidariedade cresça mais rapidamente em todo o País.

 

Patrícia Mendes / Assessoria do Solidariedade MS

Foto: Eliza Mustafa